10 posições sexuais possíveis para quem quer transar fora da cama

Se você costuma acompanhar as pautas de sexo aqui no MdeMulher, não é novidade que temos algumas listas de posições sexuais fáceis para inovar na hora da transa.

Começamos com 12 posições práticas que englobam todos os tipos de sexo. Depois, sugerimos nove posições ótimas para quem quer sair da mesmice no sexo oral e seis escolhas ideais para uma penetração anal sem dor (e sem traumas!).

Dessa vez, retomamos cada uma dessas matérias e consultamos novamente o livro “Posição do dia – Sexo todo dia, só a posição varia”, das autoras Emma Taylor e Lorelei Sharkey. O resultado disso foi uma lista certeira de dez posições que são totalmente possíveis de fazer FORA da cama. Sim, é isso mesmo: hora de deixar os lençóis de lado e se jogar em lugares menos óbvios.
Confira:

1. Aplaudindo de pé

Se você gosta de estar no controle, começamos com uma dica que é sucesso. Com o crush sentado em uma cadeira, e uma almofadinha amiga – em baixo do bumbum e das costas – para que o corpo fique mais inclinado, a ideia é que você se posicione na frente dele para que aconteça a penetração.

E há um detalhe para deixar toda a movimentação mais interessante: peça para que ele fique com uma das pernas dobradas sobre o assento, de forma que seja possível você segurá-la. Isso vai facilitar a penetração.

(Posição do dia – Sexo todo dia, só a posição varia / Thais Fernandes/MdeMulher)

 

2. Fusão Corporativa

No versão original do livro de Emma e Lorelei, essa posição é feita por dois homens, o que significa que a ideia inicial é usá-la para sexo anal. Entretanto, com o famoso ~jeitinho~, ela também pode servir para penetração vaginal – até porque, já ensinamos que a posição de quatro não é a mais indicada para um sexo anal sem dor. E que tal pegar uma cadeira de escritório com rodinhas, para que seu parceiro se movimente enquanto você fica parada? A criatividade não pode ficar fora do jogo por aqui!

Vale pontuar que duas mulheres também podem facilmente se divertir dessa forma. Uma opção é o uso da cinta com um pênis para a penetração. Outra ideia é a fricção da nádega no clitóris da mulher que está sentada na cadeira, enquanto que ela, por sua vez, usa os dedos para estimular você.

(Posição do dia – Sexo todo dia, só a posição varia / Júlia Vicheti/MdeMulher)

3. Hasteando a bandeira

Quando a ideia é transar em pé, a posição mais tradicional é aquela em que a mulher fica de costas, encostada numa parede, enquanto a penetração vaginal acontece por trás. Aqui, um banquinho ajuda a fazer com que a penetração aconteça com mais facilidade.

Assim como a “Aplaudindo de Pé”, há um detalhe especial nessa posição: a sua perna apoiada em um banco, enquanto o(a) crush a segura. Além do toque ficar mais íntimo com a famigerada ~pegada~, isso te ajuda a abrir mais as pernas sem perder o equilíbrio durante o movimento que vocês fizerem juntos, até alcançar o orgasmo. Nossa dica é usar essa posição para o sexo vaginal, mas nada impede que vocês tentem fazer sexo anal também – com calma, já que essa posição não é a mais indicada para isso.

Mas verdade seja dita: a altura das duas pessoas envolvidas pode dificultar a dinâmica dessa posição. Uma dica é encostar o banco numa parede. Assim, você pode inclinar-se para frente, e usar a parede como apoio. Com o bumbum empinado, a penetração fica mais fácil.

(Posição do dia – Sexo todo dia, só a posição varia / Thais Fernandes/MdeMulher)

 

4. Só as cachorras

Nessa posição, a ideia é ficar de costas para o(a) parceiro(a), com as pernas bem abertas para que a pessoa se encaixe perfeitamente entre elas e a estimule com a língua da forma mais prazeirosa possível.

A ilustração também mostra que o joelho de quem está sentado pode ficar em contato com os seios de quem está recebendo o sexo oral – o que gera um estímulo a mais. Essa posição também facilita que você seja estimulada com os dedos.

 

(Posição do dia – Sexo todo dia, só a posição varia / Júlia Vicheti/MdeMulher)

5. Tirando a temperatura

Caso a posição anterior pareça ~acrobática~ demais para você, calma porque existe um meio termo. Com um banco posicionado à frente de quem está recebendo o oral, os braços ficam mais relaxados e as pernas flexionadas.

Assim como na opção anterior, essa também facilita a estimulação com os dedos – e também o famoso beijo grego.

(Posição do dia – Sexo todo dia, só a posição varia / Júlia Vicheti/MdeMulher)

 

6. O pufe-fuque

As atualizações do fetiche de transar em escritórios foram atualizadas com sucesso! Brincadeiras (ou não) à parte, essa posição trabalha principalmente a penetração, portanto, vale o uso dos sex toys para quando o momento acontecer entre duas mulheres.

Quem está atrás pode se curvar mais para frente para estimular o seu clitóris com os dedos e tocar seus seios enquanto a penetração é feita. Há também a possibilidade de uma massagem nas costas para que o tesão fique cada vez mais intenso entre vocês.

(Posição do dia – Sexo todo dia, só a posição varia / Júlia Vicheti/MdeMulher)

 

7. Show-room

E, mais uma vez, o foco é o seu prazer ao estar no controle da situação. Nessa posição, a ideia é que a outra pessoa que está sentada desça o tronco mais do que o normal, e que uma das pernas do parceiro seja segurada por você.

A posição fica ainda mais interessante ao colocar seus pés um pouco mais para frente e, dessa forma, conseguir “tombar” o corpo um pouco para trás. Isso ajuda a fazer com que o pênis se encaixe melhor no canal vaginal, e um consiga dar apoio ao outro no movimento de vai-e-vem.

(Posição do dia – Sexo todo dia, só a posição varia / Thais Fernandes/MdeMulher)

 

8. Quebra queixo

Já essa posição é para quem gosta da sensação de colocar as pernas para o ar. Aqui, há a possibilidade de ir abrindo as pernas sem limitações – e sentir muito prazer desse jeito.

Para facilitar as coisas, a dica é colocar uma almofada ou um travesseiro na região lombar para que seja mais simples de se manter na posição até o momento do orgasmo. Além de ter muito prazer, desse jeito também é possível estimular quem está fazendo o sexo oral em você.

(Posição do dia – Sexo todo dia, só a posição varia / Júlia Vicheti/MdeMulher)

 

9. Quebra queixo invertido

Parecida com a anterior, essa posição também é para quem gosta das pernas para o ar. Só que ela tem um detalhe interessante: dessa maneira o beijo grego fica mais fácil (ou seja: o sexo oral no ânus).

E caso você tenha o desejo de controlar a frequência com que cada movimento acontece, dobre os joelhos por cima das costas do seu parceiro e coloque os pés no entorno da cintura dele. Outra vantagem é que, dessa maneira, suas pernas ficarão menos cansadas.

 

(Posição do dia – Sexo todo dia, só a posição varia / Júlia Vicheti/MdeMulher)

10. Com o banquinho para ajudar

Por fim, mas não menos importante, o lema aqui é o mesmo de outras posições já mostradas: o banquinho é o seu melhor amigo quando a cama não está em cena. Bem confortável, sente-se de frente para o(a) parceiro(a) e curta o momento do sexo oral.

A ideia é deixar a intimidade rolar com muitos estímulos feitos através da língua, dos dedos e/ou de sex toys, caso vocês gostem da ideia. A perna em cima do(a) crush pode trazer um ar de ~dominação~ para o sexo – o que costuma ser interessante para muitas pessoas.

 

Fonte: M de Mulher/ Editora Abril

Foto de capa: IStock

 

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *